Briefing: Primeiros passos no desenvolvimento web


ENTENDA OS BENEFÍCIOS DE UM BRIEFING EFICAZ NA CRIAÇÃO
DE UM WEBSITE DE SUCESSO

PANORAMA DO BRIEFING

Um website nada mais é um canal de comunicação entre você e o seu público em geral. E o trabalho do web designer é de criar esse canal da forma mais eficaz e acessível para atingir a maior audiência possível. Por isso, o passo inicial para qualquer projeto é de estabelecer um entendimento perfeito entre você e o profissional web, uma harmonização de ideias para garantir que todos estejam começando do mesmo ponto de partida.

Briefing é uma palavra em inglês que significa “O ato de dar instruções precisas ou informação essencial”. O Briefing é uma ferramenta utilizada por profissionais como designers, publicitários, arquitetos e consultores em geral para entender os desejos dos seus clientes através de perguntas específicas. Geralmente é feito em forma de questionário, e esta é a oportunidade do cliente descrever detalhadamente tudo que espera do seu projeto e do profissional criador. É importante ser o mais detalhado possível, pois é com essas informações que será esboçada a estratégia de design do seu projeto.

Briefing do Clicart Studio
IMAGEM CRÉDITOS: CLICART STUDIO

BRIEFING CLARO GARANTE UM PROJETO COM FOCO

O Briefing servirá como guia para o criador e será usado como documento de referência durante o desenvolvimento do seu website. Por isso vale a pena ser o mais completo e específico possível. Quanto mais informações você providenciar no começo, melhor o designer vai entender as suas intenções. Mas é claro, um Briefing não é um documento “gravado na pedra“, ele poderá ser alterado e adaptado posteriormente, desde que seja com a colaboração de todas as partes, e por escrito. Mas por que preciso preencher esse questionário todo ao invés de simplesmente bater um papo com o web designer? Um Briefing bem elaborado por escrito pode evitar os eventuais desentendimentos ou esquecimentos de um acordo verbal, e o designer poderá consultar essas informações durante o desenvolvimento do projeto para garantir que a criação esteja sempre direcionada de acordo com os desejos do cliente. Por isso é importante ter em mãos um documento que agrade tanto ao cliente quanto ao profissional antes de começar a desenvolver qualquer projeto.

Vamos considerar algumas questões importantes para preparar um Briefing eficaz?
Separe um papel e uma caneta e vamos à próxima etapa. Respondendo as perguntas abaixo, teremos uma ideia básica das informações necessárias para início de um projeto.

1) Qual o perfil da minha empresa?

As perguntas devem começar com uma descrição do perfil da sua empresa. Qual é a função da sua empresa, e como ela é organizada? Em qual ramo sua organização se enquadra, e há quanto tempo ela atua na área?

2) Qual a identidade visual da minha empresa?

Sua empresa ou projeto já tem uma identidade visual? Você deve apresentar seu logotipo, logomarca, cartão de visita, etc., para o web designer saber qual linha visual seguir. Afinal, seu website tem que ter a “cara” da sua empresa. Se não tiver esse material, converse com o designer para você desenvolver essa identidade junto com ele ou com outro profissional antes de começar seu projeto.

3) Quais são meus concorrentes?

Faça uma lista de 5 a 10 empresas que atuam na mesma área. Esse é a melhor forma de analisar e encontrar um diferencial entre os concorrentes para atender melhor o público.

4) Quais são meus gostos pessoais?

Crie uma relação de websites que você gosta e que não gosta, e identifique os elementos específicos que lhe agradam ou não. É muito importante o web designer ter uma ideia das suas preferências estéticas antes de começar a criação.

5) Qual o objetivo do website?

Qual é a sua intenção na criação do website? Qual é a estratégia de marketing do site, você pretende aumentar a visibilidade da sua marca, vender um produto, ou obter informação dos seus clientes? Explique bem os seus objetivos para poder determinar os elementos necessários do website e para definir o foco do projeto. Utilize o Briefing como uma sessão de Brainstorming para poder organizar suas ideias por escrito.

6) Qual é meu público alvo?

Qual é o perfil da pessoa com qual você quer comunicar? A linha visual do website será desenvolvida de acordo com o seu público alvo. Um website voltado para formadores de opinião de literatura terá um visual bem diferente do que para uma banda de rock, por exemplo.

7) Qual é meu orçamento e quais são meus prazos?

Dinheiro e tempo, dois assuntos complicados! Muita gente pode ter receio de conversar sobre dinheiro antes de receber o orçamento do projeto, pois sempre existe o medo de ser cobrado o valor máximo pelo mínimo de trabalho. Mas é importante saber que muitas vezes se o web designer tiver uma ideia do orçamento disponível, ele pode adequar o projeto com o melhor custo-benefício para o cliente. E como todos nós sabemos, “tempo é dinheiro“. Por isso, o cliente precisa saber quanto tempo o designer vai levar para criar o website, e o designer precisa estar ciente de prazos importantes para o cliente, tais como o lançamento de um novo produto, um evento específico, etc.


IMAGEM CRÉDITOS: DES1GNON

BOA COMUNICAÇÃO FAVORECE BONS RESULTADOS

Com um Briefing bem detalhado e entendido por todas as partes, você garante um primeiro passo bem dado no desenvolvimento do seu website. E lembre-se que nessa primeira etapa, quanto mais comunicação você tiver com o web designer, melhor será o resultado final.

Para visualizar um exemplo de modelo de Briefing bem elaborado acesse o site do Bruno Ávila, ou veja o Briefing inicial de orçamento do Clicart Studio.

domingo // 2 junho 2013
É permitida a reprodução parcial do conteúdo acima como citação e link (lei 9610/98).

24 comentários em "Briefing: Primeiros passos no desenvolvimento web".

  1. 9 de setembro de 2013 às 7:36:

    Muito bem explicado!
    Vou compartilhar.


  2. 9 de setembro de 2013 às 7:44:

    Parabéns!!!
    O site está MA-RA-VI-LHO-SO!

    Super criativo e com muita simplicidade em se navegar.
    Resume-se em uma só palavra: SUCESSO!


  3. 9 de setembro de 2013 às 9:15:

    Eu sou a prova viva que sem Briefing nada dá certo.
    Matthew, meus parabéns pelo artigo!
    Muito bom mesmo!


    • 10 de setembro de 2013 às 13:02:

      Muito obrigado Maury! Parabéns pelo site lindo e obrigado por disponibilizar esse espaço para assuntos diversos de interesse público.
      – Matthew Thorpe


  4. 9 de setembro de 2013 às 19:24:

    A-DO-REI!
    Realmente, não há maneira melhor de começar, o briefing é a melhor pedida.
    Amei o site, super organizado e clean!
    PARABÉNS!!!


  5. 10 de setembro de 2013 às 12:36:

    Matt, estou impressionada com duas coisas: primeiro a qualidade do conteúdo! Posso dizer que, agora, eu sou uma pessoa que tenho uma boa ideia do que é um briefing e a sua utilidade. Tudo muito bem colocado! E estou impressionada com a qualidade da sua escrita! Como escritora, posso te dizer que conheço poucos brasileiros que escrevam tão bem! Desconhecia essa sua paixão por línguas e o texto está irrepreensível.

    Equipe Clicart, nomeadamente Maury, adorei o site … Definitivamente, vocês serão os responsáveis pela criação do meu … Prometo que serei bastante detalhada no briefing …

    Parabéns, rapazes!


    • 10 de setembro de 2013 às 12:59:

      Marianna, muito obrigado pelos elogios! Vindo de uma escritora com seu talento e sua importância me estimula muito.
      Obrigado,
      – Matthew Thorpe


  6. 10 de setembro de 2013 às 13:42:

    O site esta perfeito, não tem cores pesadas, particularmente gostei muito disso.
    Parabéns ao Matthew Thorpe por esse excelente texto, não há como ter dúvidas sobre o BRIEFING.
    E parabéns a equipe Clicart.


  7. 10 de setembro de 2013 às 15:31:

    Muiiito bom!
    Parabéns!
    Mais que merecido tudo isso pois, tens talento de sobra. “)
    Sucesso e Sorte, Sempre.

    Muito bem escrito e explicado,
    já está compartilhado.
    Beijos!


  8. 13 de setembro de 2013 às 2:14:

    Adorei, parabéns! =)


  9. 16 de setembro de 2013 às 7:16:

    Muito bom Matt!
    Eu lembro que na faculdade o professor repetia todos os dias -“O Briefing é o histórico do cliente”.
    Ele falou tanto sobre isso que até hoje não esqueço nada do que foi ensinado.
    Acho que sem essa etapa, é praticamente pedir pra não dar certo. Concorda?

    Artigo maravilhoso. Parabéns!


  10. 17 de setembro de 2013 às 17:52:

    Parabéns pelo texto, Matt!!!
    Bem esclarecedor e direto.
    O site está lindo e super organizado.
    Adorei! Sucesso!!!


    • 19 de setembro de 2013 às 5:20:

      Obrigado Erika! Visite sempre o blog para ver as novidades!
      – Matthew Thorpe


  11. 23 de setembro de 2013 às 0:14:

    Matt, Parabéns. Ficou maravilhoso.


Escreva seu comentário aqui!